O Que Podes Aprender Com o Meu Maior Erro No Ciclismo

Conheces aquele ditado que diz: “Saiu-lhe o tiro pela colatra”? Pois, no ano 2009, o meu 2º ano de competição, eu cometi um erro grave de metodologia, que me fez perder um dos meus grandes pontos fortes: as subidas!

Nunca te aconteceu, aplicares algo novo que está a dar muito resultado, ficas de tal forma empolgado com a tua evolução, e decides aumentar a dose porque achas que dessa forma vais ter mais resultado ainda?

Nesse ano, eu era assim. Queria sempre mais e mais e mais. Só que, como diz o meu Prof. de Fisiologia Eduardo Oliveira: “A dose faz o veneno”.

Nada mais nada menos. Aquilo que nos faz evoluír é ao mesmo tempo aquilo que nos faz regredir. É apenas uma questão de colocar a dose errada.

Seria o mesmo que levar a vacina do tétano. Se levar uma vez estás protegido. Se levares duas vezes podes morrer. Ou seja podes morrer da própria cura.

No vídeo de hoje, eu mostro como esse foi o meu grande erro enquanto corredor, e como tu não deves cometê-lo.

Eu conto alguns detalhes sobre o meu passado, algo que nunca fiz em outros vídeos que tenho no Youtube. Tenho a certeza que te vais identificar muito com a história:

[Vídeo] O Meu Maior Erro Enquanto Ciclista:

Demorei algum tempo a perceber que este era o erro. E talvez não fosse o conhecimento adquirido, poderia ainda hoje estar sem saber quais os erros que cometi e como posso melhorar.

Tu tens hoje nas tuas mãos, a oportunidade de ter esse mesmo conhecimento, sem passar tanto tempo a cometer os mesmos erros que eu.

Por isso, se estás farto de aplicar métodos que não funcionam, talvez esteja na hora de veres a minha próxima série de 4 vídeos, onde eu te vou mostrar como funciona o método que eu ensino dentro do curso, e como poderás aplicá-lo para ter mais resultado!

Está nas tuas mãos mudar o teu desempenho. Para isso podes fazer como eu, percorrendo o caminho das pedras, e perder anos a fio a estudar e praticar, até encontrar os métodos que funcionam e que não funcionam.

Ou então, conhecer e aplicar algo que já deu provas de que funciona, onde poderás aplicar e adaptar na tua temporada sentindo as diferenças, com a vantagem de te mostrar onde estão os buracos onde não deves cair para não ter rendimento.

» Clica AQUI e inscreve-te na próxima série

A escolha é tua. Queres continuar a lutar todos os dias contra as probabilidades e gastar dinheiro e energia, para chegares ao final do dia desmotivado e sem vontade de continuar a treinar? É contigo.

Mas se não aproveitares esta oportunidade agora, talvez só em 2016 possas ter outra.

» Clica AQUI e não percas esta oportunidade

Grande abraço e boas pedaladas! 🙂